Campo da Esperança

https://quartelmestre.com/poesia/campo-da-esperanca/

    Conheço um campo
    Que todos acolhe
    Ali não há campas
    Só relva e flores
    Regadas por dores
    E muitos amores
    A terra cavada
    Por mãos calejadas
    Recebeu pessoas
    Amigas, amadas
    Não sei se me toca
    Ali me tornar
    Adubo de cores
    Mas não me importa
    Onde vou pousar
    Eu sigo voando
    Sonhando e amando


2024 Luiz Cláudio Silveira Duarte https://quartelmestre.com
O conteúdo destas páginas pode ser utilizado conforme os termos da licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.