Relva

https://quartelmestre.com/poesia/relva/

    Corro pela relva
    Feliz, animada
    Vejo meu futuro
    Logo ali em frente
    O cheiro na brisa
    Promete a alegria
    De ver quem procuro
    E dar-lhe um abraço
    Quero ver de perto
    Quem fui e serei
    Vou ao meu encontro


2024 Luiz Cláudio Silveira Duarte https://quartelmestre.com
O conteúdo destas páginas pode ser utilizado conforme os termos da licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.