Massagista

A transformação de uma massagem.

https://quartelmestre.com/poesia/massagista/

    estendo meus dedos
    de óleo untados
    encontro a pele
    num toque suave
    eu calo o suspiro
    que quero soltar
    do toque à pressão
    agora exploro
    e vou descobrindo
    macia firmeza
    estou concentrado
    e inebriado
    quase esculpindo
    a rara beleza
    estou concentrado
    quero ser ousado
    permito um deslize
    um pouco abusado
    mas ela suspira
    relaxa tranquila
    me deu permissão?
    a doce massagem
    se torna carinho
    e logo carícia
    que se faz safada
    estou concentrado
    febril, excitado
    e apaixonado


2024 Luiz Cláudio Silveira Duarte https://quartelmestre.com
O conteúdo destas páginas pode ser utilizado conforme os termos da licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.