Gloriosa

Saudade amorosa.

https://quartelmestre.com/poesia/gloriosa/

    que bunda gostosa
    tão deliciosa
    macia, cheirosa
    e apetitosa

    é quase uma rosa
    mas indecorosa
    em verso ou em prosa
    é pecaminosa

    se faz de dengosa
    ou afetuosa
    mas sei que é fogosa
    e audaciosa

    te faço manhosa
    te quero melosa
    gemendo gozosa
    bem escandalosa

    gentil, carinhosa
    talvez preguiçosa
    e tão graciosa
    é sempre saudosa


2024 Luiz Cláudio Silveira Duarte https://quartelmestre.com
O conteúdo destas páginas pode ser utilizado conforme os termos da licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.